0 comentários fechados

Festival mobiliza a cidade pela alimentação natural

Comida saudável também pode ser saborosa e variada. Pela segunda vez, a cidade do Rio de Janeiro será palco do festival Rio Saudável Gastronomia. Desde 25 de abril a 24 de junho, o evento mostra que alimentação recomendada para manter a saúde não se resume a um prato de salada com filé de frango ou peixe. A realização consecutiva do World Nutrition Rio 2012, do 10º Congresso Rede Unida e da Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável Rio+20 mobilizou também a gastronomia da cidade em uma grande campanha pela alimentação nutritiva, saudável e consciente, envolvendo 29 restaurantes cariocas.

O evento é uma realização da Secretaria Municipal de Saúde e Defesa Civil do Rio de Janeiro, do Instituto Nacional de Câncer (INCA) e do SindRio – Sindicato de Hotéis, Bares e Restaurantes, e conta com o apoio do Conselho Regional de Nutricionistas – 4ª região (CRN-4), do Instituto de Nutrição da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (INU/UERJ), do Convivium Slow Food do Rio de Janeiro, da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel-RJ) e da Agência Binky.

Até 24 de junho, cada uma das casas participantes traz um prato ou menu saudável, seguindo requisitos nutritivos, calóricos e de ingredientes previamente aprovados pela comissão de nutricionistas do festival. Os pratos vêm identificados com a logomarca do evento. Das opções de menus árabes do Cedro do Líbano à salada de manga verde com camarão e pão indiano do Mekong, o evento transita pela culinária saudável em diversos sabores, cores, tons e origens. No italiano Gabbiano Ristorante, o prato é o cappesante glassate al “maracuja” e o Varandas Gourmet apresenta uma saborosa truta ao molho de castanhas. O restaurante Bazzar traz um menu completo com entrada de mix de brotos verdes com feijão manteiga de santarém, tomates frescos ao vinagrete de caju, prato principal de salmão no vapor com mini legumes orgânicos, flor de sal de sauvignon blanc e azeite com limão e ervas, e cuscuz de tapioca com abóbora e coco e um toque de canela para a sobremesa. Os organizadores do festival promoverão atividades de capacitação sobre culinária saudável com nutricionistas, chefs, cozinheiros e garçons dos restaurantes participantes.

Para a chef Teresa Corção, participante do evento, fundadora da ONG Instituto Maniva, diretora do SindRio e uma das pioneiras do movimento slow food no Brasil, mais do que um festival, o Rio Saudável Gastronomia é uma campanha pelo comer bem e saudável: “O Rio, capital do esporte e da saúde, é a cara desta proposta. Nós, chefs e donos de restaurantes, como formadores de opinião, devemos estimular a conscientização sobre a importância da alimentação saudável, promoção da saúde e a melhoria da qualidade de vida”. Pedro de Lamare, presidente do sindicato, torce pelo sucesso do festival e explica que a ideia é promover edições anuais para que a proposta da culinária saudável se firme no Rio de Janeiro. Hans Dohmann, secretário municipal de Saúde e Defesa Civil, complementa: “Diante da rotina cada dia mais corrida das pessoas, fica evidente a importância do festival na conscientização de que é possível adotar mudanças simples no cotidiano, começando pelos hábitos alimentares”.

Participantes:
14 Folhas, Bazzar, Casa de Espanha, Cedro do Líbano, Coccinelle Bistrô, Delight Av. Rio Branco, Delight Rua da Quitanda, Espaço Grill, Filé e Folhas, Gabbiano Ristorante, Gávea Garden Bistrô, Mekong, O Navegador, Piffer Torteria & Bistrô, Reservado Restaurante, Sabor Saúde Culinária, Sabor Saúde Expresso, Sal e Tal, Symbol Gourmet, Varandas Gourmet, Vegetariano Social Clube, Viva Orgânicos Juice Bar, Zacks, Restaurante Cidadão, na Cidade de Deus, e Restaurante Universitário, na UERJ.

rio saudavel

www.riosaudavelgastronomia.com.br

Fonte: Guia GPHR

 

 

Data de publicação: 22/05/2012

 

Insira seu email no campo abaixo para receber nossas dicas e notícias

Insira seu email no campo abaixo para
receber nossas dicas e notícias