0 comentários fechados

O incrível ambiente dos anos 50 e o sabor dos ingredientes fresquinhos!

Repleta de ícones, a gastronomia americana está difundida pelo mundo com variados queridinhos para o nosso paladar. A Banana Split é uma legitima representante do estilo e com as altas temperaturas no Brasil, a sobremesa gelada não demorou em cair no gosto popular e se tornar uma alternativa saborosa para se refrescar nos dias quentes.

Na gastronomia, a banana é consumida nas mais variadas formas, em pratos sofisticados doces e salgados, bolos e tortas e até aonde a imaginação permitir. Com sorvete a fruta ganhou destaque especial. Estrela principal no cardápio de sobremesas da Hamburgueria Big Jack, a Banana Split da casa é um show de cor e uma explosão de sabor que ganha a cada dia muitos fãs fiéis.

Servida em travessa de vidro especial, em formato de barco, a banana é cortada ao meio, na horizontal e colocada ao lado de três bolas de sorvete de baunilha, morango e chocolate. Muito chantilly, calda de chocolate , dois tubinhos de biscuit e cereja para enfeitar completam a obra prima.

O cardápio completo da Hamburgueria e os endereços estão no site:

Home

bananasplit

História

Banana Split

A história da Banana Split é controversa. Segundo o “Livro da Banana Split”, em 1904 a sobremesa foi inventada na pequena cidade de Latrobe, no estado americano da Pensilvânia. O autor, David Strickler, era um farmacêutico aprendiz que adorava inventar receitas gastronômicas na farmácia onde trabalhava. Nessa época as farmácias eram pontos de encontro, além de pontos-de-venda de remédios era comum de se encontrar, nesse tipo de estabelecimento, balcões onde eram servidos sorvetes, lanches e refrigerantes caseiros. Os próprios farmacêuticos preparavam as bebidas, e existia uma certa concorrência entre eles, cada um tentava inventar algo novo para chamar a atenção para seu estabelecimento e atrair mais clientes. Estes balcões se chamavam soda fountains. Um dia, como tinha bananas para a sobremesa, David cortou ao meio a fruta e cobriu as metades com bolas de sorvete e calda de frutas.

 

Chantilly

O creme surgiu na França, no castelo de Chantilly, com o cozinheiro Fritz Carl Vatel, que percebeu que o leite da região era mais gorduroso e, por esse motivo, mais adequado à batição. Dessa forma, Vatel passou a adicionar açúcar ao leite e com essa mistura obter um creme vistoso. O doce criado por Vatel agradou tanto a corte francesa que os senhores da casa palacial de Chantilly deram ao creme o nome de seu castelo. O método de fazer o creme foi repassado oralmente. Da época, restaram esparsos registros.

 

Você sabia?

Apesar de ser tão popular em nosso país, a banana não nasceu no Brasil. Ela veio da Ásia. Lá, ela é cultivada há mais de 4 mil anos. A fruta chegou à Europa no século I a.C, levada pelos romanos. Contudo, continuou sendo rara neste continente por muitos séculos, só se popularizando no século XX. Muito antes disso, a expansão do Islã levou a banana para a África. Os portugueses trouxeram-na para o Brasil. Hoje é cultivada em todas as regiões tropicais e exportada para todo o mundo. Os principais importadores são Estados Unidos e Europa. O Brasil é um dos maiores produtores mundiais.

 

Acompanhe as promoções pelas redes sociais:

facebook.com/ bigjackhamburgueria
Twitter: @bigjack_burger
Pinterest: pinterest.com/bigjackburguer/

 

Por: Mayara Veiga
Gargantini Comunicação
Jornalista
mayara@gargantini.com.br
www.gargantini.com.br
(19) 3645-6566

 

Data de publicação: 18/09/2012

 

Insira seu email no campo abaixo para receber nossas dicas e notícias

Insira seu email no campo abaixo para
receber nossas dicas e notícias