Você  sabe o que seu filho com diabetes pode comer? Bem, ele poderá comer o que as outras crianças comem, apenas com mais equilíbrio nos nutrientes: Carboidratos/proteínas/ gorduras/frutas e verduras que fornecem vitaminas e fibras. A diferença é que, no dia-a-dia, você deve evitar dar a ele doces e controlar a ingestão de carboidratos (o ideal do prato de qualquer garoto).

Mas quando ele quiser comer um brigadeiro, tomar um sorvete, provar do milkshake do amigo, libere. Se ele se sentir seguro, que de vez em quando pode comer bobagens, vai se alimentar com muito mais qualidade.

Dicas Importantes:

• Incentive seu filho a praticar esportes desde pequeno.

• Ensine seu filho a contar os carboidratos, entendendo que alimentos ele pode trocar

por outros. Ele vai ter autoconfiança de que pode se cuidar direitinho.

• Você, o resto da família, os irmãos, todo mundo em casa deve encarar o diabetes da

forma mais natural possível. Ele não pode se sentir – e ele não é – diferente de ninguém.

• Sempre aprenda e faça com que ele aprenda a se cuidar: como medir a glicemia, como

se medicar, como se virar em caso de hipoglicemia.

O que fazer em aniversários?

Criança não pensa em comer em festinha, criança vai para brincar. Quem come é o adulto acompanhante, que fica observando os filhos correrem para lá e para cá enquanto conversa com outros pais e vai papando um brigadeiro, mais um croquetinho, só mais uma empadinha… Além disso, criança corre tanto, brinca tanto em festa que em geral queima todos os carboidratos ali mesmo. Por precaução, claro, meça a glicemia do seu  filho antes e na volta da festa. Daí é medicar e manter a alimentação saudável depois. Assim todo mundo pode se divertir sossegado.

O que fazer na escola?

A cena clássica da criança apontando o dedo para a outra e soltando uma piada de algo constrangedor faz qualquer pai e mãe tremerem por dentro. Quem nunca ouviu, quando era criança, alguma gozação por ser gordo, ou usar óculos, ou vestir uma saia que a má amiga achou “ridícula!” é porque nunca foi à escola. Mais do que compreensível, portanto, que você se preocupe com o dia-a-dia do seu filho entre os amiguinhos. E quando ele se medicar na frente deles? E se quiserem desafiar o garoto a comer algo? E se alguém discriminar seu “bebê”? Provavelmente seu filho vai aprender a lidar com isso na maior, mas você deve ajudá-lo a ter auto-estima.

Prepare seu filho para entender o diabetes e saber como se cuidar. Fale a verdade, do jeito mais simples que ele possa entender: o diabetes pode trazer problemas sérios, mas quem come alimentos saudáveis, toma o remédio, mede a glicemia e faz exercício vai viver muito feliz, sim. Estimule seu filho a saber mais, a fazer o que gosta, a não ter medos que o impeçam das coisas. Assim ele ganha auto-estima, essencial para todos nós. E os colegas da escola? Diante de um amigo tão natural com o próprio diabetes, eles aos poucos param de dar importância para isso. E vão até ajudar se for preciso. Com prazer.

Tire suas dúvidas, sempre, com o cuidador do seu filho, o médico ou a nutricionista. Você também vai se cuidar melhor, e o diabetes, de algum modo, vai acabar melhorando a saúde geral da família.

Fonte: Livro Comida que Cuida 2

Data de publicação: 10/01/2011

 

2 Comentários para Como controlar diabetes infantil

  1. lucia disse:

    descobri hoje que meu filho de doze anos tem diabetes, estou desesperada, pois em minha casa somos escravos de doces, sou doceira e um de meus maiores prazeres sempre foi fazer pratos doces para meus filhos, sempre tenho alguma coisa gostosa na geladeira,estou sem chão

Insira seu email no campo abaixo para receber nossas dicas e notícias

Insira seu email no campo abaixo para
receber nossas dicas e notícias