0 comentários fechados

Muito mais do que ajudar no emagrecimento, pois contém baixas calorias, em média 1 colher de sopa tem 69, sabe-se que o grão-de-bico é um grande aliado contra a tristeza. Ele já é conhecido como o grão da felicidade. O seu carboidrato tem baixo índice glicêmico, daí o grão também ser indicado para quem tem diabetes.

É provável até que os nossos ancestrais soubessem desse efeito, já que a leguminosa é originária do Oriente Médio e tem sido cultivada desde aproximadamente 8000 a.C. Acredita-se que o aminoácido triptofano é a grande estrela, pois ajuda a produzir a serotonina, que dá a sensação de bem-estar, satisfação e confiança.

No Egito, a dieta básica gira em torno de grãos como fava, grão de bico e lentilha.

Origem
O grão-de-bico é originário do Oriente Médio, região cuja cultura gastronômica ainda se baseia nas proteínas desta leguminosa. O seu cultivo foi desenvolvido pelas civilizações grega, romana e egípcia, mas a sua divulgação pelas regiões subtropicais deveu-se essencialmente aos navegadores portugueses e espanhóis, e a sua difusão pela Ásia pode ser creditada aos comerciantes indianos. O grão-de-bico tem sido cultivado no Oriente Médio desde aproximadamente 8000 a.C.

Conheçam receitas práticas e saborosas:  pasta de grão de bico e caldo de grão de bico.

Data de publicação: 19/08/2009

 

Insira seu email no campo abaixo para receber nossas dicas e notícias

Insira seu email no campo abaixo para
receber nossas dicas e notícias