O projeto Roda de Boteco compreende um conjunto de eventos gastronômicos e culturais, inovadores nos Estados do Espírito Santo, Pernambuco e Feira de Santana. Aliado a eventos culturais de música e arte, de cunho popular, visa o resgate da boa roda de conversa, boa comida, simplicidade, integração social e disseminação cultural.

Festival gastronômico terá 32 estabelecimentos disputando o prêmio de Melhor Bar e de Melhor Boteco e um boteco convidado

A primeira edição do Roda de Boteco Brasília 50 anos começou no sábado, dia 13/03. O concurso mais esperado pelos boêmios de plantão terá a participação de 32 bares e botecos. Além destes, um estabelecimento participa do festival como convidado, ou seja, não fará parte da competição. Serão 23 dias de disputa pelo prêmio de Melhor Bar e de Melhor Boteco. No período de 13 de março a 4 de abril, os estabelecimentos passarão por avaliação popular quanto aos quesitos: melhor tira-gosto, temperatura da bebida, atendimento e higiene, além de melhor garçom.

O quesito mais importante é o tira-gosto, e sua pontuação equivale a 50% da nota total. O atendimento fica em segundo lugar, com a nota valendo 30%, seguido por higiene e temperatura da cerveja, com a pontuação equivalente a 10% cada. A apuração será feita pelo Instituto de Pesquisa Futura, com sede em Vitória (ES).

Os três primeiros estabelecimentos melhor avaliados no resultado geral das categorias Melhor Bar e Melhor Boteco vão receber troféu. A peça foi criada pelos renomados artistas pernambucanos Genésio Gomes e Artur Brito. Além disso, todos os participantes do Roda de Boteco Brasília 50 anos receberão certificado.

O Roda de Boteco também premiará os melhores garçons, eleitos por voto popular. O garçom mais votado receberá da Ecos Eventos, organizadora do evento, R$ 1 mil; o segundo R$ 750; e o terceiro receberá R$ 500 e o Sindhobar dobrará o prêmio. Sendo assim, os prêmios serão R$2.000, R$1.500 e R$1.000, respectivamente. Contudo, receberão os prêmios somente os garçons que tiverem feito o curso de qualificação oferecido pelo Sebrae/DF nos dias 8 e 9 de março. O prêmio é mais um estímulo para que os profissionais se qualifiquem, pois o curso será prerrogativa para o recebimento do prêmio.

O curso é uma novidade lançada na edição do DF e foi desenvolvido especialmente para os funcionários dos estabelecimentos participantes do Roda de Boteco. O intuito é qualificar a equipe dos bares e botecos tanto no pré como no pós evento. A iniciativa partiu do Sindicato dos Hotéis, Restaurantes, Bares e Similares de Brasília (Sindhobar-DF), entidade promotora do evento, em acordo com o Sebrae/DF.

Os campeões do Roda de Boteco Brasília 50 anos serão revelados na festa Botecão, que encerra o evento com chave de ouro no dia 9 de abril. O encontro contará com shows da banda Fundo de Quintal e Dudu Nobre, entre outras atrações..

O Roda de Boteco é um festival gastronômico já consagrado em outras cidades do país como Vitória (ES), Recife (PE), e Feira de Santana (BA). É um evento que estimula a concorrência saudável, onde os donos dos estabelecimentos passam a se preocupar em fazer pratos caprichados, usando ingredientes locais e tipicamente brasileiros. Contribui também para a geração de empregos, aumento do faturamento e melhoria da qualidade nos serviços prestados aos clientes.

Organizado pelo Sindhobar/DF, em parceria com a Ecos Eventos, proprietária exclusiva da marca Roda de Boteco, o festival conta com apoio da Empresa Brasiliense de Turismo – Brasiliatur e do Sebrae/DF, e faz parte das programações de comemoração dos 50 anos de Brasília.

Votação

Para votar o cliente deverá, obrigatoriamente, consumir o tira-gosto inscrito no concurso. As cédulas devem ser preenchidas pelo próprio cliente, à caneta, e compreender todos os itens descritos na cédula (nome, número da carteira de identidade, telefone e e-mail).

Para garantir que o voto seja secreto e não sofra adulterações, caberá ao cliente colocar a cédula pessoalmente na urna de votação. Os profissionais do estabelecimento ou um eventual promotor poderão somente esclarecer dúvidas e encaminhar o cliente até o local da urna.

As cédulas que tiverem dados rasurados serão automaticamente canceladas. Por isso, a organização do evento pede para que, caso haja algum erro na hora de escrever na cédula, que o cliente solicite ao garçom uma outra para que o voto não seja invalidado.

Voto consciente

A organização Roda de Boteco Brasília 50 anos pede a atenção dos botequeiros na hora de votar no seu estabelecimento preferido. A primeira recomendação é que antes de dar o voto, o cliente prove o tira-gosto do estabelecimento analisando sua apresentação, sabor e originalidade. A temperatura da bebida, o atendimento do garçom e a limpeza do lugar também devem ser avaliados.

O voto consciente e criterioso ajudará a melhorar o atendimento, promover novas opções de cardápio e conscientizar a todos para a importância do respeito ao cliente.

Um bom negócio

Durante o mês em que o Roda de Boteco acontece o faturamento dos bares e botecos participantes costumam ser maior que em outros períodos. Em Vitória, onde o festival é realizado há cinco anos, o faturamento dos bares aumenta de 30% a 50%.

De acordo com o Sebrae/ES, o volume de pessoas durante o festival aumenta bastante, principalmente de novos clientes – 1ª visita ao bar -, que chega a atingir 60%. E boa parte deste percentual se torna freguês.

Por esses motivos o festival vem ganhando não apenas a simpatia dos boêmios, mas a confiança e credibilidade dos proprietários dos botequins.

Botequetes

Para divulgar o evento, uma equipe de promotoras vai realizar blitz pelo Distrito Federal para promover o Roda de Boteco Brasília 50 anos.

Fonte: www.rodadeboteco.com.br

Data de publicação: 17/03/2010

 

2 Comentários para Começou o Festival Gastronômico Roda de Boteco Brasília 50 anos

  1. Andrea Navarro disse:

    DENÚNCIA!!!

    Meu amigos e Chefes:

    Os donos do bar Lampião, me contrataram para criar o petisco concorrente ao concurso Roda de Boteco 2011 e me prometeram pagamento no valor do prêmio caso ganhássemos. Criei o petisco e agora que ganhamos em SEGUNDO LUGAR com a premiação de R$700,00 fui cobrar o meu pagamento. Eles se negam a pagar e ainda colocaram uma outra chefe no meu lugar.É ridículo se queimarem por tão pouco.

    Olhem a foto do site http://www.achabrasilia.com/roda-de-boteco ,aonde a suposta chefe Renata posa ao lado do dono do bar, Rafael segurando o petisco que eu criei.

    Denunciem!!! Isso é um absurdo!
    Grata.
    Andrea Navarro

  2. Andrea Navarro disse:

    MAIS UMA VÍTIMA DO BAR LAMPIÃO – GUARÁ II
    .por Andrea Navarro, sexta, 9 de setembro de 2011 às 22:30.Acabei de receber o telefonema da Chef Renata Carvalho que foi fotografada ao lado do proprietário do bar Lampião, Rafael, com a receita criada por mim.

    Ela foi muito educada e esclareceu os fatos.

    Disse que foi contratada pelo bar Lampião para prestar assessoria ao restaurante que está sendo montado e por ocasião foi a responsável pela treinamento da equipe e consequente organização do bar durante o período do evento.

    Ela mesma me contou que a informação que teve ao chegar no bar foi de que já havia uma receita criada por uma Chef (no caso, eu).

    E deixou bem claro que em nenhum momento quiz se apoderar dos direitos autorias da receita.

    Depois de uma longa conversa cheguei a conclusão e quero deixar isso registrado, ela é apenas mais uma vítima dessa situação desagradável…

    A desonestidade é exclusiva dos proprietários do bar Lampião, que terão de responder na justiça por seus erros e difamações que estão registradas.

    Sou uma profissional e o mínimo que espero das pessoas que contratam os meus serviços é RESPEITO!

    A Chef Renata as minhas sinceras desculpas pela exposição da fotografia.

    Andrea Navarro

Insira seu email no campo abaixo para receber nossas dicas e notícias

Insira seu email no campo abaixo para
receber nossas dicas e notícias